Milk and a TV Show








Milk is very nutritious food due to it's protein (full of essential aminoacids), vitamin B12, calcium, phosphorus and potassium content.

However, milk's fat is mostly saturated and, being an animal source food, it is rich in cholesterol. In case of cardiovascular diseases, dyslipidaemia and obesity, milk consumption must be reduced. Besides, milk contains Lactose, a disaccharide that causes food intolerance in a large proportion of the population who doesn't produce enough lactase to digest it. Some people can replace milk by yogurte (where lactose is partialy broken) ou cheese (which has less lactose levels).

Fortunately for those who can't or don't want to drink mill, there are a number of vegetable alternatives, whether to substitute milk, yogurt or cheese, that don't contain any lactose.

Between them, you can find flavours such as soy, rice, oat, almond, hazelnut, spelt, coconut and rice, macadamian nut and much more. 

Being cholesterol free and lactose free they are a very good alternative to people with countless alergies and some have already been enriched with nutrients such as calcium, fruits like pineapple, apple or banana (to give more flavour or to sweeten), sugar cane, chocolate and vanilla. 



Nutritionally, soy bean has lots of vegetable protein (with all essential aminoacids), polyinsaturated fatty acids, complex carbohidrates and fibres.  It also has isoflavones also known as phytoestrogens wich have been studied by their good influence on balancing cholesterol and hormonal levels during menopause ans in cases of osteoporosis. 

Amongst vegetable drinks available on the market nowadays the one that can be considered the most similar to milk is the soy drink enriched with calcium. 

In a general way, the drinks that contain less added sugar per 100g are:
Almond drink
Soy drink enriched with calcium
Natural soy drink with no added sugars 

In a general way, the drinks that contain less energy content per 100g are: 
·         Almond drink
·        Natural soy drink with no added sugars 
      Hazelnut drink 
·         Oat drink 

Rice Drink


Made out of rice, you can also find some of these drinks enriched with calcium. It can be made out of many rice varieties like and flavoured with products like coconut and chocolate. Has rice doesn't contain gluten this can be a good drink for those who are intolerant to it as well.  

Oat drink

Made out of rolled oats this drink is very nutritious, rich in vegetable proteins, magnesium, complex carbohidrates and fibers. Really its ideal for children, athlets and people who need some extra boost of energy.

Almond drink
Whith a slyghtly caramelized flavour it is great for desserts. Beign an oily fruit, almonds give us insaturated fatty acids such as omega 6, vitamin E, cálcium, phosphorus, potassium, magnesium and zinc.

Hazelnut drink
As almonds, hazelnut is an oily fruit, which give us insaturated fatty acids, vitamin E and cálcium. It has also a great flavour to cook desserts and it is delicious for snaking.



From cheese, to desserts there are countless options nowadays for those who want to avoid milk. For more information go to Provamel.
--
O leite constitui uma opção nutricional vantajosa devido ao facto de fornecer proteína de alto valor biológico (contém todos os aminoácidos essenciais em quantidade e proporções ideais), vitamina B2, cálcio, fósforo e potássio.

Porém, a gordura presente no leite é predominantemente saturada e, tratando-se de um alimento de origem animal, contribui para a ingestão de colesterol. Em caso de risco de doença cardiovascular, dislipidemia e obesidade, o seu consumo pode ter que ser restringido. Ao nível dos açúcares, destaca-se a presença da lactose, o dissacárido típico do leite a que muitas pessoas são intolerantes. Isto é, por possuírem uma deficiência da enzima lactase (enzima responsável pela digestão da lactose), estas pessoas sofrem de má digestão quando ingerem este alimento. Neste caso, de acordo com o grau de sensibilidade pessoal ao problema, a ingestão do leite pode ser substituída pela de iogurte (onde a lactose já se encontra parcialmente desdobrada) ou de queijo (cujos teores de lactose são bastante mais baixos).


Existem ainda outras alternativas, vegetais, sobre as quais nos debruçaremos de seguida e que não contêm qualquer teor de lactose.Cada vez mais, por motivos de saúde ou ideológicos, a procura por alimentos que possam substituir os produtos lácteos, ou simplesmente ampliar a variedade de opções alimentares, tem aumentado. Devido a isto, existe um grande leque de géneros alimentícios que podem ser incorporados nas suas refeições tradicionais, com todo o sabor e qualidade nutricional.

De entre as bebidas disponíveis, de aspeto leitoso, destacam-se as de soja, arroz, aveia, amêndoa, avelã, trigo espelta, arroz com coco, noz macadâmia e de soja com sabores.

 Sendo de origem vegetal, são isentas de colesterol e, como não derivam do leite, são isentas de lactose. A esta bebida podem adicionar-se ingredientes naturais como cálcio (obtendo-se a bebida de soja fortificada com cálcio), frutos (permitindo que seja adoçada de forma mais natural), açúcar de cana, chocolate, extratos (baunilha) ou aromas (morango,
banana, etc.).

Nutricionalmente, o grão de soja (matéria-prima a partir da qual esta bebida é produzida) contém proteínas de origem vegetal (contendo todos os aminoácidos essenciais), ácidos gordos polinsaturados, hidratos de carbono complexos e fibras. Contém ainda isoflavonas, compostos orgânicos pertencentes à família dos polifenóis, também conhecidos como “fitoestrogénios”, que têm sido amplamente estudadas pela sua ação benéfica no controlo dos níveis de colesterol, equilíbrio hormonal na menopausa e prevenção da osteoporose.

Das bebidas vegetais disponíveis no mercado, a de soja fortificada com cálcio pode ser considerada a mais equilibrada, a ponto de amiúde constituir uma alternativa ao leite.

De uma forma geral as bebidas que possuem menos açúcares adicionados são:
·         Bebida de Amêndoa
·         Bebida de soja enriquecida com cálcio
·         Bebida de soja natural sem açúcar

De uma forma geral as bebidas que possuem menor valor calórico por 100g são:
·         Bebida de Amêndoa
·         Bebida de soja não adoçada
·         Bebida de avelã
·         Bebida de aveia


Bebida de arroz



Obtém-se a partir dos grãos de arroz, existindo já referências fortificadas com cálcio. Pode ser elaborada a partir de vários tipos de arroz (integral, carolino, agulha, selvagem ou suas misturas) e podendo ser também aromatizada. O arroz é um cereal naturalmente isento de glúten, podendo ser incorporado na alimentação dos indivíduos que sofrem de intolerância alimentar a este constituinte.

Bebida de aveia
Elaborada a partir dos grãos de aveia ou de flocos de aveia, esta bebida é bastante nutritiva, pois contém proteínas de origem vegetal, hidratos de carbono complexos, fibras e magnésio.
Ideal para o reforço da alimentação, sobretudo em caso de crescimento, prática intensa de exercício físico ou convalescença.

Bebida de amêndoa
Esta bebida tem um sabor caramelizado e pode contribuir para a confeção de sobremesas apetitosas em substituição do leite. A amêndoa é um fruto oleaginoso, que fornece sobretudo ácidos gordos mono e polinsaturados, entre os quais o ácido linoleico (ácido gordo essencial da
família ómega-6). Outros nutrientes importantes que podem ser obtidos através do seu consumo são as proteínas e a fibra, além de vitamina E, cálcio, fósforo, potássio, magnésio e zinco.

Bebida de avelã


Para uma bebida mais clara, as avelãs devem ser descascadas (o mesmo se podendo aplicar à bebida de amêndoa). Ainda como a amêndoa, a avelã é um fruto oleaginoso, que contribui nutricionalmente com ácidos gordos mono e polinsaturados, vitamina E e cálcio, entre outros. Dos ingredientes apresentados, com os quais se produzem as bebidas respetivas, destaca-se a versatilidade da soja e do arroz, uma vez que também são utilizados na confeção de outros géneros alimentícios.

A partir da soja é possível proceder-se à confeção de alimentos como sobremesas não lácteas, gelados vegetais e alimentos com consistência semelhante a iogurte ou queijo (tofu), que ampliam o leque de opções alimentares de vegetarianos mas também daqueles que apresentam, por exemplo, intolerância à lactose ou alergia à proteína do leite de vaca.


Quanto ao arroz, pode ser encontrado na base da fórmula de gelados vegetais, que poderão ser consumidos, sem medo, por todos aqueles que não podem ou não desejam consumir produtos lácteos e, de igual modo, soja. 

No passado dia 24 de Junho estive no programa Faz Sentido da Sic Mulher a falar sobre esta questão. Poderá revê-lo aqui.

Sem comentários:

Enviar um comentário