Guest Post: Receitas para a Felicidade

Bem vindos a mais um Guest Post, desta vez com uma entrevista à Mariana do Blog Receitas para a Felicidade

Porquê o nome Receitas para a Felicidade? O que é que a
inspira a cozinhar?
A familia sobretudo e foi com a minha mãe que esta paixão
começou. Hoje cozinhar para o meu marido e 4 filhos é o que me dá mais prazer.
Além disso, é à mesa onde todos nos reunimos, que temos deliciosos momentos de
felicidade.
Tem alguma preocupação com a sua alimentação diária ou
costuma cozinhar o que é pedido lá por casa?
 
Com uma casa cheia, é normal haver
gostos diferentes mas tento sempre encontrar soluções saudáveis, variadas  e que agradem a  todos. A minha preocupação com a alimentação
tem vindo a crescer ainda mais desde o diagnostico de doença oncologica ao meu
marido e mais recentemente o diagnostico de autismo ao filho mais novo a quem
tento evitar dar os açucares, o glutén e a apostar mais nos legumes e na fruta
e felizmente ele tem aceite facilmente essas escolhas. Já no dia a dia evito
sobretudo os fritos e as carnes vermelhas.
Os doces é o meu grande pecado e sendo Alentejana perco-me
por um bom doce conventual mas também só faço de tempos a tempos, e não como
rotina.
Costuma pensar nas receitas que vai fazer durante a semana
ou cria simplesmente consoante a sua inspiração?
Costumo pensar e sobretudo pesquisar ideias novas. Adoro
inspirar-me no que se faz lá fora e noutros blogs e depois dar um toque
diferente ou especial.
Se chegar cansada a casa quais são os seus pratos de comida
de conforto?
A sopa, sempre presente e sempre reconfortante e depois as
massas com legumes ou apenas com um molho caseiro de tomate. Adoramos!
O que sugere aos leitores que
precisam de levar almoço para o trabalho e querem que este seja saudável e
saboroso?
Apostem sempre em saladas ou massas
pois basta variar nos legumes (que devem ser frescos),ou nos molhos e assim obtém diferentes sugestões.
De uma forma geral, os produtos que usa no seu dia-a-dia são
fáceis de encontrar?
Tento sempre utilizar coisas praticas, fáceis de encontrar e
que sejam ao mesmo tempo económicas pois os tempos são difíceis para todos
Onde costuma fazer as suas compras alimentares?
Normalmente na mercearia e frutaria da minha rua no entanto,
também recorro aos supermercados tendo o Pingo Doce como um dos meus preferidos
pois encontro sempre ali frescura e qualidade.

Que receita saudável sugere aos nossos leitores?
Informação Nutricional Aproximada por pessoa: 330Kcal; 32.5g de HC; 12.6g de Lípidos; 15.7g de Proteína
Ingredientes
600 g de abóbora, em pedaços
1 cebola grande
3 dentes de alho
1 lata grande, de feijão encarnado ou
manteiga
1/2 couve lombarda, ripada grosseiramente
Azeite q.b.
1 folha de louro
Sal e
pimenta moída q.b.
1
malagueta
1 ramo de salsa
Preparação 
Numa
caçarola, fazer um refogado leve com um fio de azeite, a cebola ás rodelas
finas ou picadas grosseiramente, a folha de louro e os alhos também picados.
Assim que a cebola estiver dourada e transparente, junta-se a abóbora cortada
em cubos.
Tapa-se o
tacho e deixa-se cozer em lume brando, até a abóbora ficar bem macia,
Finalmente junta-se o feijão, a malagueta em tiras, as folhas ripadas de couve
lombarda e tempera-se de sal e pimenta.
Quando
tudo estiver macio e cozido e o molho cremoso, retire e sirva de imediato,
polvilhando com a salsa fresca picada.

Muito obrigada Mariana! 🙂
2 Comentários

Deixar Comentário