Dia dos namorados saudável

O cérebro está no centro de tudo e por isso há diversas substâncias, nutrientes, hormonas e neurotransmissores como a feniletalmina e dopamina, responsáveis pelas sensações boas que a paixão e desejo sexual proporcionam.

Apesar de não existirem ainda pesquisas conclusivas a este respeito, sabe-se que alguns alimentos podem atuar no sistema nervoso central, aumentar a circulação sanguínea e a produção das hormonas sexuais, melhorando a líbido e a sensação de prazer. Por isso, o post de hoje é dedicado a fugir aos típicos alimentos considerados afrodisíacos e a dar-vos ideias para alimentos e receitas que vão tornar o vosso dia dos namorados mais atraente e saudável 🙂

Tomate: É uma das fontes mais ricas em betacaroteno, precursor da vitamina A, essencial para a produção das hormonas sexuais masculinas e femininas e para promover a fertilidade do casal.

Sementes de sésamo: com cálcio, ferro, magnésio, ácidos gordos essenciais ómega 3 e ómega 6, selénio, zinco e vitamina E que contribuem para o normal funcionamento dos sistemas reprodutores e para o bom humor.

Figo: O seu alto teor em betacaroteno garante uma produção regular de hormonas sexuais e, enquanto boa fonte de vitamina C, fomenta a libido e reduz o stress.

Papaia:  A sua polpa alaranjada é uma boa fonte de cálcio, necessário para a contracção muscular associada à erecção masculina e ao orgasmo feminino; e vitamina C, um estimulante do desempenho sexual.

Banana:  A banana tem um efeito positivo no desempenho sexual uma vez que é rica em Magnésio, que ajuda na circulação promovendo a vasodilatação. Além disso, ajuda na produção de serotonina, conhecida como a hormona da “felicidade” ou do “bem-estar”.

Cacau: Contém  teobromina que fornece energia. Ajuda ainda na produção de serotonina, que, por sua vez, ajuda a promover felicidade, relaxamento e bem-estar durante o ato sexual aumentando desta forma a sensação de prazer. Também contém feniletilmina, conhecida por causar o sentimento da atração.

Canela: As suas propriedades estimulantes a nível sexual vêm da sua capacidade em melhorar a energia, vitalidade e circulação sanguínea.

Espinafres: Aumentam os níveis de energia no organismo, intensificando a relação e os movimentos dos músculos.

Amêndoa: Fonte de magnésio e ácidos gordos essenciais que regulam as prostaglandinas, necessárias para a produção das hormonas sexuais. É também rica em cálcio, zinco, ácido fólico e vitaminas B2, B3 e E que ajudam a fortalecer o libido.

Gengibre: possui propriedades estimulantes que ajudam a tornar o sangue mais líquido, contribuindo para aumentar e prolongar a função eréctil.

Açafrão: na Índia tem a fama de possuir efeitos estimulantes a nível sexual.

Cogumelos: São ricos em vitaminas do complexo B e cálcio. Contribuem para a produção de energia, sem a qual não existiria libido. Além disso, despertam a sensibilidade ao tato e ajudam à contração muscular associada à ereção masculina e ao orgasmo feminino.

Abacate: fornece  vitamina B6 , importante para ter energia e desejo sexual e é também é uma grande fonte de ómega-3, que melhora o humor naturalmente.

Mel: rico em vitaminas do complexo B (necessárias para a produção de testosterona) e em boro (que ajuda o corpo a metabolizar e usar o estrogénio). Alguns estudos sugerem que o mel também pode elevar os níveis de testosterona no sangue. Curiosamente a expressão “lua de mel” é conhecida por esse nome porque os casais na antiguidade se preparavam para o casamento tomando mel diariamente, durante o mês que antecedia o enlace para serem mais felizes sexualmente.

A minha sugestão de um menu para um jantar de Sº Valentim saudável:

Imagens

0 Comentários

Deixar Comentário