Legumes e frutas portugueses pela sustentabilidade!

Legumes e frutas portugueses pela sustentabilidade!

As frutas e legumes são essenciais para uma vida saudável e devemos consumir 3 a 5 porções de fruta e mais de 400g de vegetais diariamente. Escolher e comer local na época ideal, não só nos ajuda a tirar maior partido da relação qualidade/preço, como é uma garantia de termos alimentos mais saborosos e ricos em nutrientes.

Portugal é conhecido pela produção de grande diversidade de produtos hortícolas, desde os vegetais mais comuns, a variedades que só se encontram no nosso país. Em relação aos produtos hortícolas, existe um esforço de incentivo à produção nacional, no entanto, relativamente à fruta, apenas metade da produção que consumimos é nossa

A importação de fruta e legumes de países distantes, tem um elevado impacto ambiental devido aos transportes e poluição. Produtos fora da época são sempre mais caros e normalmente importados, podendo ter sido sujeitos a processos de conservação, havendo perda de sabor e qualidade dos nutrientes. Fruta como a banana da Colômbia, o abacate do Perú, ou a manga do brasil e os frutos tropicais em geral, que viajaram do outro lado do mundo, são importados, logo alimentos com elevada pegada de carbono com efeitos ambientais desastrosos, que podemos evitar, substituindo por outros. Comer as frutas e legumes da época, é uma forma de garantirmos que os estamos a comprar de origem mais local, com mais sabor, maior concentração de nutrientes e a um melhor preço. 

Quais os nossos legumes e fruta típicos do mês de Dezembro?

Frutas: Romã, tangerina, laranja, diospiro, maçã, pera, castanha, noz, amêndoa, avelã.

Legumes: Abóbora, acelga, agrião, aipo, alface, alho francês, batata-doce, cenoura, brócolos, couve-flor, couve portuguesa, couve lombarda, couve galega, cebola, nabo, espinafres, funcho, rabanete, repolho, beterraba.

Para saber mais sobre quais as frutas e legumes da época, a Deco Proteste tem o calendário muito útil para cada mês, que inclui dicas para escolha, conservação e utilização.

cenoura, batatacouves, são alguns dos produtos hortícolas mais exportados por nós para a Europa, sendo o reino Unido, Alemanha, França e Espanha os países que mais compram vegetais portugueses. 

laranja do Algarve e o tomate do Ribatejo, são as frutas mais produzidas em Portugal. 

A grande maioria da produção de tomate para a indústria é destinada a mercados externos (Japão e Inglaterra), enquanto que a produção de tomate para consumo em fresco, divide-se igualitariamente entre Portugal e exportação (principalmente Espanha). Já a produção de laranja, tem maioritariamente destino e consumo nacional.

Artigo escrito por Joana Moura, Nutricionista

Bibliografia:

-Instituto Nacional de Estatística (INE): www.ine.pt

-Agroportal: www.agroportal.pt

-Associação Ambientalista Zero: www.zero.ong

-Deco Proteste: www.deco.proteste.pt

Submeter comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

ENTRETANTO NA NiT