Alimentação Saudável

Neste episódio tenho como convidada a Vanda, que nos vem falar sobre Feng Shui, uma arte milenar, com cerca de 3500 anos, em que o objetivo é harmonizar os espaços onde estamos de forma a favorecer um maior equilíbrio e sensação de bem-estar, adaptando o espaço à pessoa. Para isso, é bastante importante a pessoa saber o que pretende, se uma melhor alimentação, se é dormir melhor, etc. Apesar de todos os seus cursos, foi o Feng Shui que a conquistou, tanto pelo impacto positivo na sua saúde e vida, como no que poderia fazer para ajudar outras pessoas.             Tudo o

Neste episódio tenho como convidada a Vera Gomes, coach, membro da equipa e uma amiga de longa data. É a única da equipa que não é nutricionista e dá muito apoio nos acompanhamentos.              Com o confinamento, muitas pessoas estão a ser afetadas pela falta da relação humana, mas ao mesmo tempo, existe quem comece a ver isto de uma outra forma e oportunidade de mudar, passando a poder trabalhar com mais liberdade e flexibilidade. Não conseguimos controlar o vírus nem a pandemia, mas conseguimos controlar tudo o que vem de nós.              A Vera planeia a sua agenda semanal, mas sempre pensando que

A minha convidada deste episódio nasceu na África do Sul, cresceu em Moçambique e mudou-se para Portugal com 18 anos. A Joana foi diagnosticada com uma doença autoimune aos 10 anos, tendo começado a ser acompanhada por um Naturopata e poucos meses depois a sua doença estagnou, fazendo-a perceber a importância que a nutrição tem na saúde. Uma doença autoimune, geralmente, é ativada por um trauma emocional, portanto, tanto o emocional como o físico têm de estar em boas condições.              Começa por nos contar o seu percurso profissional, desde os vários cursos que tirou até ter chegado ao curso com que

A minha convidada é médica, autora do livro “Saúde para Elas, o kit de sobrevivência para a mulher”. Neste episódio iremos abordar as medicinas mais funcionais, a medicina anti-aging (anti-envelhecimento), o impacto do stress no nosso dia a dia, como perceber se podemos ter alterações hormonais ou não, a importância da testosterona nos homens e de que forma esta pode impactar a capacidade de tomada de decisões, memória, etc.              A Andreia começa por nos falar do seu percurso, porque se especializou mais nesta área e o que mais gosta de trabalhar, dizendo-nos que se dedicou à medicina anti-aging, em que o

Neste episódio vou focar nas preocupações das mulheres e nas dúvidas que lhes surgem, tais como: cessação da pilula, regulação do ciclo menstrual, fertilidade, fome emocional, menopausa, que são presenças constantes nas minhas consultas.              Na maior parte dos países, há alguma disparidade de resultados entre a esperança média de vida, dentro dos 2 géneros, sendo que as mulheres têm sempre esperança média de vida maior do que os homens. A grande questão é, sobretudo, se estes anos extra de vida, que as mulheres têm, se são passados com saúde e com boa qualidade ou não. É muito importante termos uma noção

O rim tem diversas funções importantes no nosso organismo, que devem ser garantidas para as manter, tais como: filtrar as substâncias do sangue; secretar e selecionar material residual para excretar e de reabsorver algumas substâncias que retornam ao sangue.  A Litíase do aparelho urinário ou nefrolitíase, é a designação médica para um problema muito comum, conhecido como cálculos renais ou pedras nos rins. As principais causas podem ser malformações congénitas ou adquiridas, má alimentação ou uma deficiente hidratação. De uma forma geral, pessoas tendem a beber pouca água de acordo com as suas necessidades diárias e há cada vez mais a tentação do consumo de

A minha convidada deste podcast enquadra-se nos conceitos de mindful-eating, intuitive-eating, ter mais consciência e presença na nossa alimentação, aprender a ouvir o corpo e as nossas necessidades, abafar os sentimentos da fome emocional e de compulsão alimentar, tomar controlo face à nossa alimentação sem nos repreendermos.              A Cláudia tem um podcast que se chama “Oficina” e um projeto que é o “Holistica”, onde procura olhar para o estilo de vida como um todo. Para além disso, é health coach, portanto o seu trabalho é focado na alimentação, meditação e exercício físico. Antes de ter esta mentalidade de alimentação intuitiva, no

As frutas e legumes são essenciais para uma vida saudável e devemos consumir 3 a 5 porções de fruta e mais de 400g de vegetais diariamente. Escolher e comer local na época ideal, não só nos ajuda a tirar maior partido da relação qualidade/preço, como é uma garantia de termos alimentos mais saborosos e ricos em nutrientes. Portugal é conhecido pela produção de grande diversidade de produtos hortícolas, desde os vegetais mais comuns, a variedades que só se encontram no nosso país. Em relação aos produtos hortícolas, existe um esforço de incentivo à produção nacional, no entanto, relativamente à fruta, apenas

Durante a nossa vida, é importante não cair numa má alimentação constante e saber procurar um nutricionista para ajudar nas melhores escolhas alimentares ou até um psicólogo. Podemos ter refeições mais descontraídas numa semana, mas tendo sempre consciência, para que todo o esforço não seja em vão.               Num processo de perda de peso durante as épocas festivas devemos combinar connosco próprios os dias em que podemos estar mais livres e sem restrições, mas nos restantes dias em que não há festividades, criar um equilíbrio, ou aumentar a quantidade ou tempo de atividade física, mantendo sempre uma perspetiva positiva e não a

Com a chegada da pandemia COVID-19, ficámos mais em alerta sobre o papel importante que o nosso sistema imunológico e intestino, desempenham na saúde em geral.  Devemos começar por fazer uma alimentação equilibrada e variada, baseada em alimentos frescos, naturais, densos em nutrientes. Numa alimentação mais rica em vegetais e frutas, há um maior aporte de fibras prebióticas que ajudam ao desenvolvimento de uma microbiota intestinal equilibrada e saudável. O aporte de vitaminas e minerais será maior, o que permite que todos os mecanismos autorreguladores funcionem melhor. Faça algumas alterações pequenas e fáceis, para incluir mais prebióticos na sua alimentação: Descasque menos, sempre

ENTRETANTO NA NiT