alimentação saudável Tag

Estamos em contagem decrescente para o novo ano, e é nesta altura que começamos por fazer um balanço do que foi o ano de 2018 e do que gostaríamos que fosse o ano de 2019. Criam-se várias resoluções, nem todas exequíveis! E se uma das resoluções do ano novo fosse descomplicar a temática da alimentação saudável e equilibrada para a família? É de extrema importância que os pais ensinem os filhos a optar, desde cedo, por uma alimentação saudável e a cuidar da sua saúde de forma preventiva para que cresçam com um bom desempenho físico e intelectual. Que tal começarmos por

Na semana passada, fui convidada pelo Continente para ir á apresentação do projeto  À Roda da alimentação com a Catarina Furtado. "‘À Roda da Alimentação’ surge do compromisso do Continente em promover a alimentação saudável em Portugal e tem como porta voz a apresentadora, presidente da Associação Corações com Coroa e embaixadora da Boa Vontade do Fundo das Nações Unidas para a População. Nos últimos 30 Anos o Continente posicionou-se como a loja de referência dos portugueses. Como tal, está atento às tendências do mercado e necessidades do consumidor, tendo o tema da Alimentação Saudável assumido um papel fulcral na sua estratégia.

Desde sempre que nos indicam que é importante demolhar as leguminosas e os cereais para que estes cozam mais rápido. Mas existem razões mais importantes do ponto de vista nutricional para que este passo seja indispensável. Quando demolhamos as leguminosas e os cereais as suas enzimas começam a ser produzidas o que faz com que as proteínas, os minerais e as vitaminas fiquem biodisponíveis e sejam mais facilmente absorvidas pelo organismo. A grande maioria destes alimentos contêm ainda uma substância chamada ácido fítico que, se não for neutralizado ou eliminado ao demolhar, liga-se aos minerais e impede a sua absorção pelo organismo. Ou seja, se não demolharmos as leguminosas estamos

Enquanto mãe e nutricionista sou muitas vezes abordada por outras mães que me pedem alguns conselhos sobre como criar oou manter hábitos de vida saudáveis em família. A verdade é que com a correria do dia-a-dia, com o chegar tantas vezes mais tarde a casa do que aquilo que queríamos, com crianças ainda para orientar na rotina da casa (tomar banho, trabalhos, etc…), a alimentaçãoe atividade física acabam por se tornar questões secundárias e com a quais não se quer perder muito tempo. Por isso, considerei importante partilhar convosco algumas dicas que me ajudam! Planear a ementa semanalmente Parece quase uma missão impossível,

Todos os produtos alimentares apresentam um rótulo nutricional destinado a fornecer toda a informação necessária sobre o mesmo. É obrigatório por lei todos os alimentos que sofreram qualquer tipo de processamento, por mais pequeno que seja, conterem um rótulo alimentar. Segundo o Regulamento (EU) Nº 1169/2011 de 25 de Outubro, a rotulagem corresponde a “todas as indicações, menções, marcas de fabrico ou comerciais, imagens ou símbolos referentes a um género alimentício que figurem em qualquer embalagem, documento, aviso, rótulo, anel ou gargantilha que acompanhem ou se refiram a esse género alimentício”. Através da leitura de um rótulo conseguimos identificar os produtos

Fazer alterações do nosso estilo de vida e na alimentação pode ser desafiante. “E agora, vou comer o quê?” São perguntas que muitas vezes coloquei a mim mesma quando iniciei esta jornada e sempre que pensava em preparar a refeição do dia seguinte. As refeições principais acabavam por ser mais fáceis. Já os lanches, foram um pouco mais complicados para mim. Mas, em pouco tempo, acabei por perceber que, afinal, existia também um vasto leque de opções saudáveis para os meus snacks. Todos os dias experimentava um diferente e assim, não só fui capaz de controlar o meu peso, como me

Já vos falei aqui das frases que eu mais ouço em consulta não já? Quase todos os meus posts começam assim na realidade :) Bem vamos então a mais uma "Mafalda eu porto-me super bem todo o dia, o problema é que chego a casa ao fim do dia e só me apetece petiscar." A chamada hora do lobo é, realmente, tramada! Passamos um dia inteiro distraídos a trabalhar e atarefados com o que temos para fazer e quando chegamos a casa parece que vamos descomprimir com o pão, as bolachas e as batatas fritas. Não faz sentido pormos todo

O jantar é uma refeição que suscita muitas dúvidas, sobretudo para quem quer manter o peso e emagrecer. Muitas pessoas passam o dia inteiro a comer de forma saudável e equilibrada e, quando chegam a casa, na chamada “hora do lobo” estragam todo os esforço do dia comendo demasiado ou com má qualidade. Será que posso comer hidratos de carbono depois das 18h? Será que devo comer só sopa para perder peso? Se ficar cheio de fome depois do jantar posso fazer ceia? São muitas as questões que me colocam sobre esta refeição mas aquilo que tento sempre transmitir são as

Este é um daqueles temas que é amplamente debatido por todo o mundo. Seja quando se fala na restauração ou quando se pensa no que comprar no supermercado, é difícil afirmar que uma alimentação saudável e equilibrada pode ter o mesmo preço que uma alimentação com menos cuidados. Confesso que, quando penso nisso, fico sempre frustrada e sensibilizada porque, por muito que incentive à pratica de uma alimentação equilibrada, natural e pouco processada, vejo que isso pode ser um desafio em alguns meios familiares. E mesmo nos ambientes em que isso deveria ser uma condição, não existe este cuidado. Este

A alimentação tem um papel fundamental na nossa energia e no modo como nos sentimos. Com o regresso ao trabalho e às rotinas tendemos a descurar um pouco a organização da cozinha e da forma como nos alimentamos e isso leva a quebras de energia e grandes oscilações de humor. Para evitar que isso aconteça e para conseguir sentir-se bem disposto e saciado ao longo do dia começe com um pequeno-almoço rico em proteína, fibras e gorduras de qualidade que ajudam a distribuir a energia de forma mais equilibrada e evitam que sinta muita fome ao longo da manhã. Seja

ENTRETANTO NA NiT