perda de peso Tag

A qualidade de vida é um importante impulsionador de saúde e bem-estar em qualquer faixa-etária, mas especialmente na população mais velha, dado que a qualidade de vida tende a piorar com a idade e, com o aumento do Índice de Massa Corporal. Segundo a OCDE, apesar do aumento da expectativa de vida aos 65 anos, ainda muitos adultos passam a sua velhice de saúde precária e instável. (3) O excesso de peso e obesidade e os hábitos alimentares inadequados são dos principais fatores de risco que mais têm contribuído para a perda de anos de vida saudável. (5)             Para um processo de perda de

A minha convidada é médica, autora do livro “Saúde para Elas, o kit de sobrevivência para a mulher”. Neste episódio iremos abordar as medicinas mais funcionais, a medicina anti-aging (anti-envelhecimento), o impacto do stress no nosso dia a dia, como perceber se podemos ter alterações hormonais ou não, a importância da testosterona nos homens e de que forma esta pode impactar a capacidade de tomada de decisões, memória, etc.              A Andreia começa por nos falar do seu percurso, porque se especializou mais nesta área e o que mais gosta de trabalhar, dizendo-nos que se dedicou à medicina anti-aging, em que o

Durante a nossa vida, é importante não cair numa má alimentação constante e saber procurar um nutricionista para ajudar nas melhores escolhas alimentares ou até um psicólogo. Podemos ter refeições mais descontraídas numa semana, mas tendo sempre consciência, para que todo o esforço não seja em vão.               Num processo de perda de peso durante as épocas festivas devemos combinar connosco próprios os dias em que podemos estar mais livres e sem restrições, mas nos restantes dias em que não há festividades, criar um equilíbrio, ou aumentar a quantidade ou tempo de atividade física, mantendo sempre uma perspetiva positiva e não a

Chips de couve kaleMaça assada recheadaLeite dourado (golden milk)Muffins de Claras e queijoTostinhas de sementes e chiaParfait de chia e framboesaGelado de banana e manteiga de amendoimGrão CrocanteIogurte vegetal Mousse de abóbora e laranjaBolinhas energéticas de cacau e amendoimMaçã assadaSmoothie cremoso de amendoim e chocolateHummus de grão e cenoura assados com curcuma + palitos de cenouraPera assada com mel e limãoBarquinhos de bananaLatte de abóbora e especiariasBowl Proteica de cacau  

Criar um diário alimentar onde escrevemos tudo do que comemos, pode parecer algo estranho, mas é extremamente útil! Quando registamos os alimentos que ingerimos, as horas a que o fizemos, quantas refeições diárias, tornamos mais consciente a nossa forma de nos alimentarmos e esta é uma oportunidade de reflexão e correção de erros.  Fazer registo semanal torna-se mais eficiente, o ideal é até que sejam várias semanas, de forma a que englobem os dias em que há exceções (fins de semana e feriados), em que pode haver desvios à rotina, com alguns abusos alimentares.  Esta pode ser uma ferramenta interessante, não só

A dieta cetogénica é uma dieta em que a distribuição dos macronutrientes é feita de forma a que a quantidade de gordura consumida seja alta, a de proteína moderada e a de hidratos de carbono muito baixa. Este conceito surgiu primordialmente no início do século XX, como uma derivação do jejum prolongado para o tratamento da epilepsia, onde um estudo chegou à conclusão de que as convulsões destes doentes eram menos críticas quando seguiam este regime alimentar (1).  Quando a alimentação não suprime o teor de hidratos de carbono, o corpo converte-os em glucose – a principal fonte de energia do cérebro.

O período do fim da tarde é aquele em que por vezes sentimos mais fome e onde é mais difícil resistir às tentações. Existem alguns truques simples que podemos colocar em prática de modo a ter menos fome no final da tarde e a controlar melhor aquilo que comemos.  1. Lanchar: o período entre o almoço e o jantar é muito longo e por vezes ficamos muitas horas sem comer, fazer sempre pelo menos um lanche a meio da tarde vai ajudar a manter a saciedade e a controlar a fome para evitar comer grandes quantidades de alimentos ao jantar. 2. Fazer refeições

O chá é uma das bebidas mais consumidas em todo o mundo, e quando falamos de chá este é automaticamente associado a propriedades digestivas, relaxantes ou revitalizantes. Mas sabia que o chá verde, preto, branco e oolong são todos produzidos a partir da mesma planta? A Camellia sinensisé a planta a partir da qual são produzidos os vários chás recorrendo a diferentes métodos de produção.              Os chás, e as infusões são produtos destintos com diferentes ingredientes e propriedades. Todos os chás são infusões, mas o contrário não se verifica, nem todas as infusões são chás. Uma infusão é uma bebida que resulta

            Uma dieta Low Carb tem como princípio de base uma alimentação com uma ingestão baixa ou moderada de alimentos ricos em hidratos de carbono. Para que a dieta seja considerada Low Carb os hidratos de carbono devem representar cerca de 30 a 40% do valor energético diário total, enquanto o habitual seria representarem cerca de 50%, sendo que as restantes calorias retiradas de hidratos de carbono são distribuídas pela proteína ou gordura de acordo com a situação particular e objetivo de cada um1.             Um regime alimentar Low Carb não é necessariamente menos calórico, o que acontece neste tipo de dietas é

A refeição livre ou cheat meal representa uma refeição que ocorre periodicamente durante uma dieta com restrição de calorias e onde pode ser ingerido uma maior quantidade de alimentos, assim como, tipos de alimentos que geralmente não fazem parte da rotina alimentar. Esta é uma prática bastante comum entre atletas, mas não só.  Os objetivos desta prática passam pela quebra da monotonia alimentar e alívio do stress causado pela dieta, mas também, a crença da possibilidade de aumentar o metabolismo através desta, isto porque, refeições planeadas e regulares seriam “enganosas” para o corpo ajudando a alcançar mais rapidamente os objetivos, nomeadamente relacionados

ENTRETANTO NA NiT