probioticos Tag

Os probióticos são microrganismos vivosque, quando administrados nas quantidades adequadas, conferem benefício à saúdedo hospedeiro (Dey & Mookherjee, 2021; Kiousi, Rathosi, Tsifintaris, Chondrou & Galanis, 2021; Snigdha et al., 2022). Os probióticos mais comunssão: Lactobacillus, Bifidobacterium, Saccharomyces, Streptococcus, Enterococcus, Escherichiae Bacillus (Han & Ren, 2021). Recentemente têm sido estudados as diversas aplicações dos probióticosem algumas patologias. Tem havido evidência que sugere que os probióticos têm potenciais terapêuticos benéficosem diversas condições do sistema nervoso central. Alguns exemplos são: ansiedade, esquizofrenia, depressão, autismo e doença Parkinson(Snigdha et al., 2022).  Outras condições onde se consegue verificar um impacto benéfico dos probióticossão: nas concentrações de colesterolsanguíneo; desordens do fórum inflamatório; distúrbios metabólicos (obesidade e diabetes) e cancro(Kiousi et al., 2021). Os benefícios dos probióticos são conseguidos

Tem sido cada vez mais estudado e hoje sabe-se que, há uma estreita relação entre saúde intestinal e imunidade. Existem diversos fatores que podem provocar um desequilíbrio do nosso microbioma intestinal, sendo cada vez mais comum e afetando inúmeras pessoas. Nesta fase crítica de pandemia mundial, em que todos devemos procurar adquirir uma maior imunidade de forma a estarmos mais protegidos, é essencial refletirmos sobre este tema. A vida moderna traz níveis elevados de stress, muitas vezes refeições baseadas em alimentos mais processados, um consumo regular de álcool (mesmo que seja aquele copo de vinho ao jantar para relaxar), a prescrição

O conceito “nós somos o que comemos” vai mais além, “nós somos o que digerimos e absorvemos”. E é aqui que entram as enzimas digestivas, necessárias para degradar o que consumimos em partículas mais pequenas, capazes de nos nutrir! As enzimas digestivas são pequenas proteínas produzidas em grandes quantidades e secretadas ao longo do trato gastrointestinal (desde a boca até ao intestino) que nos ajudam a quebrar e digerir os alimentos.  Por exemplo: a amilase salivar começa a decompor uma pequena quantidade de amido na boca, a tripsina e a quimotripsina são produzidas no pâncreas e atuam no duodeno hidrolisando ligações

GUTsy Captain Kombucha & GUTsy Captain Water Kefir auxiliam a digestão? Sim, eles são uma fonte natural de bactérias intestinais, ajudando nos movimentos intestinais e na produção de substâncias digestivas. GUTsy Captain Kombucha & GUTsy Captain Water Kefir ajudam na perda de peso? As bactérias intestinais ajudam a manter a integridade celular intestinal e melhoram todo o processo digestivo. Além disso, auxiliam na regulação da produção das hormonas da saciedade, contribuindo para diminuir os episódios alimentares emocionais e compulsivos. GUTsy Captain Kombucha & GUTsy Captain Water Kefir são bons para a pele? Sim, a nossa pele é muito influenciada pela saúde intestinal. As bactérias intestinais fornecidas pela kombucha ou pelo kefir ajudam o intestino

O nosso intestino é, muitas vezes, referido como o segundo cérebro por diversas razões, uma das quais sendo que o intestino e o cérebro estão efetivamente conectados, podendo ter um efeito direto um sob o outro. É incrível ver como a ciência tem avançado, permitindo-nos conhecer melhor o intestino e como a saúde do mesmo afeta a digestão, o humor, o estado mental e físico e até mesmo a influencia que pode ter no desenvolvimento de algumas patologias.  O intestino é responsável por inúmeros processos corporais. Curiosamente, ele contém uma quantidade de células nervosas semelhante à da medula espinal, e tem